Guia de viagens: dicas e roteiro para curtir as férias em São Luís - Blog Rota das Emoções: O melhor sobre a Rota das Emoções
Guia de viagens: dicas e roteiro para curtir as férias em São Luís

Quem nunca pensou em passar umas férias em São Luis do Maranhão? A capital maranhense é uma das cidades mais charmosas do Brasil, com uma riqueza histórica e cultural incomparável, uma gastronomia invejável e uma infinidade de atrativos turísticos de cair o queixo.

A Ilha do Amor, como é conhecida, encanta seus visitantes pela sua diversidade. De um lado, costumes, tradições e estilos arquitetônicos são mantidos e conservados pelo seu centro histórico. De outro, uma faceta moderna e luxuosa assume o papel de uma metrópole organizada e desenvolvida.

São Luís é única e merece destaque entre as capitais nordestinas como um destino para férias. Este guia foi elaborado para transmitir todos os encantos dessa cidade, além de oferecer uma sugestão de roteiro de 10 dias na região. Conheça tudo sobre esse paraíso nordestino e se encante com suas curiosidades. Vamos conferir? 

1. A história de São Luís do Maranhão

Sua origem data de 1612 e é considerada a única cidade brasileira fundada por franceses. Apesar disso, foram os portugueses os responsáveis pela colonização definitiva e pela marca registrada da capital, com a arquitetura e as influências culturais.

Como herança, os lusitanos deixaram mais de três mil casarões e sobrados que, até hoje, compõem o incrível cenário de ruas e vielas do encantador centro histórico de São Luís.

1.1. Pré-história 

Antes mesmo da chegada dos europeus, São Luís era habitada por inúmeras comunidades indígenas. Atualmente, boa parte da região é palco de importantes explorações arqueológicas realizadas, principalmente, no sítio Sambaqui do Bacanga.

Pesquisadores brasileiros e estrangeiros fazem investigações constantes para buscarem artefatos e vestígios, com o intuito de entenderem os costumes das antigas populações que perduraram por longos anos nessa área.

1.2. Colonização europeia

Em 1550, foi fundada a cidade de Nazaré, atual São Luís, que acabou sendo abandonada devido à resistência dos índios e às dificuldades de acesso à ilha.

Em 1612, os franceses conquistaram o território e fundaram a tão esperada França Equinocial. Na data de fundação, 8 de setembro, foi realizada uma missa que deu início à construção de um forte chamado Saint-Louis — em homenagem a Luís XI, patrono da França —, que posteriormente seria o nome definitivo da cidade. Anos depois, forças portuguesas dominaram a capital e expulsaram os franceses.

2. Os principais atrativos de São Luís

Passar férias em São Luís do Maranhão é sempre uma excelente pedida. Afinal, a cidade reserva uma infinidade de atrativos, tanto históricos como naturais, para todos os gostos e bolsos. Mais abaixo, separamos dicas imperdíveis do que pode ser visitado na capital. Confira!

2.1. Praias de São Luís do Maranhão

O Maranhão conta com algumas das praias mais populares do Brasil. Os 32 km de litoral da capital são mais uma atração que deve ser conhecida por quem visita o estado. As praias, em sua maioria, costumam dispor de quiosques e restaurantes bem-estruturados; podem promover cenários incríveis, como o nascer do sol e o anoitecer; além de serem excelentes locais para a prática de esportes de aventura. Confira as principais nos tópicos seguintes:

2.1.1. Ponta d’Areia

Essa é a mais movimentada das praias urbanas de São Luís do Maranhão. Localizada a apenas 4 km do centro, suas areias são frequentadas por moradores locais e turistas do mundo todo. Restaurantes e quiosques compõem a estrutura local, assim como um calçadão que beira toda a extensão de sua orla, onde, quase todos os dias do ano, o entardecer agracia a paisagem com sua coloração e torna o passeio perfeito para casais e famílias.

2.1.2. São Marcos

A 5 km do centro, fica a famosa praia de São Marcos — paraíso predileto entre os jovens maranhenses. A prática de surfe e de kitesurf é bem comum na região e atrai esportistas do Brasil inteiro. Bares e quiosques também movimentam a orla!

O cenário é composto por enormes dunas cobertas pela vegetação. Há também a bela Praça dos Pescadores, onde está exposto o monumento em homenagem a esses trabalhadores e que rende boas fotos aos turistas.

2.1.3. Calhau

Ideal para quem busca mais tranquilidade e privacidade, por ser um pouco mais distante, a praia do Calhau fica a 9 km do centro e sua extensão é acompanhada pela longa Avenida Litorânea.

É uma praia de águas calmas, longa faixa de areia, dunas e vegetação rasteira. Seus quiosques são padronizados e é possível, ainda, conhecer restaurantes construídos sobre palafitas.

2.1.4. Olho d’Água

Distante 10 km do centro da cidade, a praia do Olho d’Água é parada obrigatória para quem pretende passar as férias em São Luís do Maranhão. Apesar de urbanizada, a natureza ainda dá o charme principal ao local. São dunas e falésias que cercam a larga faixa de areia de ponta a ponta. É muito procurada para a pesca e por praticantes de esportes de vela.

2.1.5. Araçagi 

Fica a 19 km da capital, no município de São José do Ribamar. Com uma estrutura  diferenciada, é considerada uma das praias mais limpas e impressionantes da ilha. Durante a maré baixa, pequenas piscinas naturais são formadas em sua extensão.

É comum encontrar quiosques que oferecem comidas típicas em barraquinhas individuais, nos quais é possível, inclusive, estacionar o carro na areia.

2.2. Centro histórico de São Luís

O centro histórico de São Luís reserva grandes tesouros arquitetônicos, além de uma rica amostra dos costumes e tradições do povo maranhense.

2.2.1. Rua Portugal

Essa é a principal via do centro histórico de São Luís. São dezenas de casarões revestidos com azulejos coloniais que colorem o bairro. Por toda a sua extensão, é possível encontrar comércios tradicionais, lojas de artesanato, ateliês e mercados com produtos regionais. O passeio é mais indicado nos dias de semana, quando há mais movimento e os estabelecimentos estão abertos.

2.2.2. Praça Gonçalves Dias e Igreja dos Remédios

A praça foi construída em uma área alta do centro histórico, onde é possível avistar alguns casarões e boa parte da orla do rio Anil. É rodeada por palmeiras e imponentes construções históricas, entre elas, a Igreja dos Remédios, erguida em 1719 e que ainda mantém sua arquitetura original em bom estado de conservação.

2.2.3. Casa de Nhozinho

Um casarão colonial de quatro andares abriga esse museu, onde os mais diversos trabalhos de arte maranhense estão reunidos. O nome é uma homenagem ao saudoso Antônio Bruno Pinto Nogueira, um dos mais importantes artesãos do Maranhão, que era mestre na talha de buriti e um dos primeiros a representar a festa do bumba-meu-boi em miniatura.

Além das peças do artista, utensílios indígenas e obras de artesãos locais também são expostos nas galerias do prédio. O museu funciona de terça a sábado, das 9h às 17h, e aos domingos, das 9h às 12h.

2.2.4. Casa das Tulhas

Quem pretende passar as férias em São Luís do Maranhão, não pode deixar de reservar um dia para fazer compras na Casa das Tulhas. Esse mercado circular vende um pouco de tudo no que se refere a produtos tipicamente maranhenses. Lá, é possível encontrar diversos tipos de cachaças artesanais e a famosa Tiquira, uma bebida destilada de mandioca, considerada afrodisíaca.

Além disso, grãos, camarão seco e frutas típicas também completam as prateleiras do mercado, que funciona de segunda a sexta, de 6h às 20h; sábado, de 6h às 18h e domingo, de 6h às 13h, no centro histórico.

2.2.5. Casa do Maranhão

Próximo à Rua Portugal, o antigo prédio da alfândega passou a abrigar a sede do Centro de Artesanato do Maranhão. Hoje, o casarão apresenta um calendário de eventos bem vasto, além de apresentações e exposições dos mais diferentes artistas do estado. Funciona diariamente das 9H às 18h.

2.2.6. Palácio dos Leões

A imponente fortaleza, erguida pelos franceses em 1612, pode ser vista de longe no centro histórico da capital, tamanha sua grandeza. Hoje, abriga a sede do Governo do Maranhão e em seu interior ainda é possível encontrar lustres e móveis originais da época. Visitas guiadas são gratuitas e podem ser feitas às segundas, quartas e sextas, das 14h às 17h:30min.

2.2.7. Igreja Matriz da Sé

Localizada no mesmo largo do Palácio dos Leões, a Igreja Matriz da Sé se destaca das demais construções devido a sua imponente estrutura e arquitetura em estilo neoclássico. Foi construída em 1699 e seu altar é revestido de ouro, fato que encanta seus visitantes. A visitação é livre, com exceção das segundas-feiras, quando a igreja não abre.

2.2.8. Teatro Arthur Azevedo

O prédio foi erguido durante o auge do ciclo do algodão por dois comerciantes portugueses, ambos ávidos por assistirem a espetáculos de arte dramática e música lírica de qualidade em condições adequadas. Até hoje, o teatro ostenta uma estrutura equivalente aos padrões europeus.

O estilo neoclássico, com detalhes em rococó, dá destaque à grandiosa construção. As visitas internas são guiadas de terça a sexta, das 14h às 17h. O custo é de apenas R$ 2,00.

2.2.9. Museu histórico e artístico do Maranhão

Esse museu é outro grande atrativo cultural para suas férias em São Luís do Maranhão. Localizado na Rua do Sol, também no centro da cidade, o espaço retrata a história e a cultura de todo o estado — são móveis, livros e objetos que pertenceram a importantes personagens portugueses e maranhenses, datados do século XIX. A visitação é de terça a domingo, das 9h às 17h:30min e a entrada custa R$ 5,00.

2.2.10. Convento das Mercês

Outra construção histórica de valor, que também merece destaque na capital, é o antigo prédio do Convento das Mercês.

Muito bem conservado, o edifício abriga hoje o Memorial José Sarney, um espaço cultural, e o Museu da Memória Republicana. Exposições e apresentações artísticas diversas completam o passeio pelo local, que abre de segunda a sexta, das 14h às 18h e sábado até às 12h. A entrada é franca!

3. A culinária e os sabores da capital maranhense

Quem não gosta de viajar e de experimentar novos sabores? Independentemente de onde você vem, em São Luís você terá a oportunidade de conhecer pratos e ingredientes que, provavelmente, não vai encontrar em nenhuma outra região do Brasil.

A influência portuguesa somada às especiarias africanas e indígenas permitiram que o Maranhão desenvolvesse uma cultura gastronômica incomparável. Separamos algumas das receitas mais apetitosas para você se apaixonar.

3.1. Arroz de Cuxá

Sem dúvidas, esse é o prato mais famoso da culinária maranhense. O orgulho do estado! O prato mistura arroz a ingredientes como o camarão seco, o cuxá — uma papa de farinha de mandioca com gergelim torrado e socado no pilão —, a pimenta-de-cheiro e, por último, a vinagreira — uma hortaliça de origem africana comum no Maranhão. É preciso ter habilidades para preparar tal iguaria.

3.2. Beiju

À primeira vista, o beiju se confunde com uma tapioca. De fato, eles até se parecem. No entanto, a versão maranhense é feita com a massa da mandioca, enquanto as outras são extraídas da goma dessa raiz ou do amido dela. Geralmente, a iguaria é preparada como uma panqueca na frigideira. Porém, o beiju doce, por exemplo, é outro formato do prato feito ao forno. Um melhor do que o outro!

3.3. Guaraná Jesus

“Me vê um Jesus, por favor.” Muito provavelmente, você vai escutar alguém falando isso em bares ou restaurantes de São Luís. O famoso refrigerante é um ícone do Maranhão e já ganhou outros estados. A preferência é unânime, o que fez com que a gigante Coca-Cola comprasse a marca, pois não teria outra forma de competir com a concorrência. A coloração rosa e o sabor adocicado são as suas características inconfundíveis.

3.4. Juçara

É o açaí do Maranhão. Na verdade, são duas espécies diferentes, só que da mesma família. Mas nada de colocar bananas, granola e, muito menos, leite condensado, como é comum em cidades do Sudeste. Em São Luís, o prato é servido com farinha, camarão ou, até mesmo, carne de sol. Achou diferente? Então você precisa provar essa verdadeira explosão de sabores.

3.5. Tiquira 

Uma aguardente tipicamente maranhense. É oriunda da mandioca e tem uma coloração roxa — isso a diferencia da cachaça tradicional, feita de cana-de-açúcar. Devido ao processo demorado de preparação e fermentação, alguns produtores usam corantes para obterem a mesma cor de uma maneira mais rápida. No entanto, em mercados tradicionais, é possível encontrar produtos realmente envelhecidos e mais autênticos. Não deixe de experimentar!

4. Cultura e festas tradicionais de São Luís do Maranhão

Além da rica culinária e da infinidade de atrativos promovidos pelo turismo de natureza, São Luís é também berço de inúmeras manifestações culturais diversificadas em cores, ritmos e danças. Prepare-se para mais uma viagem impressionante que mistura conhecimento e diversão. Vale conferir cada dica abaixo e incluí-las em seu próximo roteiro de viagem pela cidade. Anote aí:

4.1. Carnaval

No quesito alegria, criatividade e organização, o carnaval de São Luís não perde em nada para outros carnavais. Assim como outras cidades do Nordeste, como Olinda e Recife, a capital maranhense sabe como fazer um bom carnaval de rua.

Durante a época, blocos e escolas de samba desfilam e animam foliões de todas as partes e ainda ganham reforço de outras festas tradicionais do estado. O centro histórico é tomado pelos festejos e a animação vai muito além da quarta-feira de cinzas.

4.2. Bumba-meu-boi

Elevado a Patrimônio Imaterial da Cultura Brasileira, o Bumba-meu-boi tem origem indefinida — embora elementos africanos e europeus sejam evidentes. Suas férias em São Luís jamais serão as mesmas se, por acaso, você deixar de vivenciar esse espetáculo.

Nas comunidades que promovem a brincadeira, as celebrações e os trabalhos em torno da festa duram, praticamente, o ano inteiro. Porém, é durante os festejos juninos que o boi reina entre a multidão.

4.3. Tambor de Crioula

De raiz africana, essa manifestação só existe no Maranhão. Em 2011, o Tambor de Crioula também recebeu o título de Patrimônio Imaterial Brasileiro. O ritmo contagiante, as vestimentas coloridas e o sorriso estampado nos rostos das pessoas são marcas registradas desse estilo.

Para você que vai viajar a São Luís, saiba que a capital é o lugar mais fácil para contemplar uma roda de Tambor de Crioula. Apesar de não haver uma época específica do ano para as apresentações, é possível encontrar tocadores e coureiras, como são chamadas as dançarinas, em praças e terreiros da cidade.

4.4. Reggae 

As famosas radiolas maranhenses são equipes com enormes paredes de som, nas quais o ritmo principal é o Reggae. O estilo explodiu nas rádios do Caribe na década de 70 e, pela proximidade, algumas estações de São Luís conseguiam captar as frequências.

Há festas por todos os lados da capital e é uma boa pedida para quem gosta de dançar agarradinho. Até hoje, o gosto pelo som de Bob Marley, Jimmy Cliff, Gregory Isaacs e muitos outros artistas reconhecidos, deram a São Luís o título de “Jamaica brasileira”. 

5. Um breve roteiro de 10 dias por São Luís do Maranhão e região

Agora que você conhece tudo sobre essa cidade incrível, chegou a hora de preparar o mochilão e curtir as férias em São Luís do Maranhão e suas cidades vizinhas. Abaixo, preparamos uma sugestão de roteiro de 10 dias, baseada na famosa Rota das Emoções, um dos mais espetaculares roteiros do Nordeste, que dará a você a chance de conhecer três estados em sua viagem.

Se preferir mais comodidade, conforto e segurança, um pacote neste estilo pode ser cotado e guiado por uma operadora local, especializada em turismo de natureza. Anote aí:

  • 03 dias em São Luís do Maranhão. Nesse período, você terá tempo suficiente para desfrutar de todas as dicas que citamos até agora no guia, como as praias da capital, o centro histórico e seus atrativos, assim como curtir alguns eventos culturais e festas tradicionais da cidade;

  • 02 dias em Barreirinhas (MA). O ponto de partida para conhecer os Lençóis Maranhenses. Aqui você pode optar por passeios em um 4×4 para visitar as lagoas locais e uma lancha para explorar o rio Preguiças, por exemplo;

  • 01 dia em Parnaíba (PI). Nesse paraíso, você não pode perder as revoadas dos Guarás! Um verdadeiro espetáculo da natureza, no qual pássaros de coloração vermelha se misturam ao azul do rio e do céu, oferecendo um cenário único e indescritível;

  • 01 dia em Barra Grande (PI). Desfrute desse maravilhoso balneário no litoral do Piauí e aproveite um dia para observar os incríveis cavalos marinhos da região;

  • 02 dias em Jericoacoara (CE). Você chegou ao paraíso! Curta cada momento das praias e lagoas de lá. Recomenda-se contratar um veículo 4×4 para explorar ainda mais aqueles cantinhos que nem todo mundo chega;

  • 01 dia em Guajiru (CE). Para fechar suas férias com chave de ouro, o último dia de seu roteiro de viagem termina nessa maravilhosa praia de águas cristalinas e coloridos corais. Só para deixar aquele gostinho de quero mais e para fazer você voltar para conhecer outras partes da região nordeste de nosso país.

5.1. Considerações importantes

Qualquer que seja o roteiro escolhido para suas férias em São Luís do Maranhão e toda a região próxima à cidade, é fundamental contar com uma agência local que dê orientações corretas e dicas valiosas de passeio. Além disso, para ganhar tempo e garantir comodidade, você vai precisar de serviços de traslado; assim como fretamentos de veículos e barcos podem ser recomendados para determinadas rotas.

Mas, calma! Não pense que precisa ser rico para fazer isso tudo. Os maranhenses têm a fama de serem muito amigáveis e os preços dos serviços cobrados por eles, também. Por isso, não hesite em consultar pacotes completos.

Chegamos ao final deste guia para suas férias em São Luís do Maranhão. A ideia é poder mostrar com detalhes como essa cidade e todo o estado têm paisagens, culturas, pratos, tradições e costumes tão particulares, que fazem da região um lugar mágico e encantador, como nada que você tenha visto e vivido até hoje.

São Luís é rica, linda e charmosa! Seus encantos surpreendem, até mesmo, quem já conhece a cidade há mais tempo e, cada visita, é uma nova surpresa. Não deixe de visitar a capital maranhense e cuidado apenas para não se apaixonar demais.

Gostou do guia? Deu vontade de preparar as malas e partir agora mesmo para este paraíso? Está esperando o quê? Acompanhe-nos pelo Facebook, Twitter, Instagram ou, até mesmo, pelo Youtube e marque aqueles amigos que topariam um roteiro como este!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This